Planejamento é fundamental !

Oi , Vamos conversar sobre planejamento? Para conseguir obter o resultado desejado é necessário planejar, tanto financeiramente, como cronologicamente, e para isso vou escrever hoje sobre algumas dicas oriundas de minha experiência .

No seu primeiro tópico para seu planejamento deve ser :O que quero fazer? e quanto tempo quero levar ?Neste assunto nos deparamos com alguns elementos decepcionantes, normalmente ( há exceções ) utilizamos todas as reservas não emergenciais para poder adquirir o referido bem, e o cronograma financeiro torna-se deficitário para a estruturação básica de uma decoração, mesmo que estejamos falando somente de estruturas básicas. Sendo assim posso dar-lhe algumas sugestões:

salasandra.jpg

1) Verificar dentro do seu orçamento de quanto poderá dispor mensalmente para estruturar seu espaço e mobiliar. Para isso é necessário fazer alguns orçamentos e estipular uma reserva de 15% no mínimo do valor para imprevistos.

2) Fazer deste valor uma obrigação financeira podendo realizar alguns objetivos ou economizar esta quantia por determinado período e realizar tudo de uma única vez.

3) Adquirir o capital necessário e o transformar em prestações mensais que cabem no seu orçamento. Utilizando-o de uma única vez e concretizando seus objetivos.

O que vejo em 90% dos casos: O recurso financeiro, gasto de forma não planejada, utilizado de forma a adquirir o máximo de aproveitamento funcional pelo menor preço , realizado de forma separada e não alcançando o fim pretendido .Porque ?Falta de projeto com a distribuição do mobiliário antes da compra do mobiliário, que resulta em :

1)Pontos de luz e tomada nos lugares menos aproveitados, iniciando o processo canaleta e fios distribuídos pela casa ( que acaba com qualquer visual e oferece riscos reais e letais principalmente para crianças )

2)Total comprometimento da estética e equilíbrio visual e funcional na busca de melhores preços e mais espaços ( exemplo : armários de cozinha até o teto em locais com pé direito acima de 2,50m )

3)Procurar seguir uma tendência em lugares e funções inadequados ( exemplo: colocar o painel da televisão e não esconder a fiação, colocar gavetas coloridas alternadas nos mobiliários )

4)Não determinar o estilo a seguir ( misturar cores e texturas, estilos diferentes )

5)fazer separadamente cada aquisição (ex.: comprar as poltronas sem pensar no estilo e tamanho do sofá do mesmo ambiente )

TEMPO

O fator é importante, para quem tem crianças é mais ainda, se não houver um prazo determinado para alcançar o objetivo final, o que acaba acontecendo na maioria dos casos é que ao adquirir determinada mobília , a outra adquirida a mais tempo já esta bastante comprometida , por exemplo compra o rack e a televisão nova, e o sofá comprado anteriormente já esta com o tecido sujo e a espuma deformada ! Então o ambiente nunca fica pronto ! E a frustração aumenta, e todo o trabalho e energia gasto anteriormente perde-se.

E com tanto gasto e pouco resultado a motivação vai embora, e o foco também , passamos a dirigir nossa energia para outros objetivos . E o sonho do morar bem vai-se diluindo, e em geral as pessoas acabam por desistir.E daí é comum ouvir, "com criança não dá para ter casa arrumada!" ou "quando a empresa tiver mais dinheiro pensamos nisso" ( só esqueceu a imagem da empresa perante fornecedores, clientes etc). Dar desculpas é facil, mas natural e inerente ao ser humano quando não conseguimos alcançar nossos desejos. Para que isso não aconteça meu conselho é FAÇA UM PLANEJAMENTO!


Márcia Rispoli entrou no ramo de decoração e design por acaso, ao sair vencedora de um concurso promovido pela Revista A&D, o que resultou em sua inscrição na Associação Brasileira de Designers de Interiores. Desde então, ela não parou mais! Neste espaço, ela compartilha de todo o conhecimento adquirido nestes mais de 20 anos de profissão.

Posts em destaque