Decoração com sabor de amizade

Postei dois trabalhos que realizei e que me deram muita satisfação a sala da minha cliente e amiga Cristiane e uma cozinha interligada com a churrasqueira e as duas tiveram bastante repercussão, então me perguntei o que as duas tem em comum ? Na verdade as duas decorações tem um apelo ao aconchego com ar descontraído e convidativo, sendo que os dois clientes gostam muito de receber e o fazem com muita naturalidade, descontração e carinho, o que não dá vontade de ir embora.


E o que faz com que a decoração tenha influencia na forma de receber? Uma decoração com a cara do cliente ! Isto é fundamental, principalmente quando tratam-se de residencias, pois como diz o escritor português Antero de Figueiredo "A casa é o retrato do seu dono ".


Uma vez fui convidada a decorar uma casa, fui ao local conheci a casa que estava sendo construída e no mesmo dia fui a casa do cliente. A casa que estava em construção, era bem moderna, com linhas retas e até certa ousadia na modernidade. A casa onde eles habitavam era completamente diferente, estilo romântico com cortinas de babados, e chaleira de vaquinha , na verdade a nova casa não se parecia em nada com os clientes, que apresentavam-se de forma mais conservadora. Gostavam de adornos rebuscados, objetos dourados, enfim, precisei de algum tempo para conhece-los e fazer uma proposta para a decoração que fosse parecida com eles, no entanto eles não aceitaram e insistiram em uma decoração moderna e minimalista, de acordo com o projeto da residencia. Terminamos a decoração e 6 meses depois os encontrei novamente, desta vez eles estavam procurando outra casa, mais parecida com eles, pois não aguentaram ficar naquela e a alugaram !


A relação decorador e cliente quase sempre ultrapassam a linha profissional e acaba se tornando uma amizade, principalmente quando trata-se de residencias, pois quando nos dispomos a decorar precisamos conhecer a rotina da casa, as pessoas que lá habitam, se tem criança, cachorro ou até a sogra morando ( ou praticamente morando junto), e com isso acabamos conhecendo muito dos nossos clientes para conseguir uma decoração com a "cara deles ". E quando isso acontece, é sensacional porque a decoração ganha a personalidade do cliente, o seu jeito , e desta forma o cliente sempre fica satisfeito porque ele sente-se à vontade e demonstra isso quando começa a receber mais pessoas expondo sua liberdade com a decoração e enfatisando mais seus critérios, valores e forma de viver.


Acredito que a decoração tem por finalidade, dar harmonia ao gosto do cliente, sempre comento com meus clientes que não existe algo feio, existe sim mal colocados , e realmente acredito nisto, se soubermos administrar e harmonizar podemos até colocar um avestruz na decoração que vai ficar bom !


Na sala em que postei a moradora queria algo que alegrasse o ambiente, desse uma cor porque ela sempre se via comprando tudo bege e que resistisse a dois garotos lindos e saudáveis que deveriam sentir-se em casa e não aprisionados por objetos que quebrassem ou tivesse lugares não permitidos aos mesmos, afinal aquela era também a casa deles . A divisória abaixo da escada tem também função de bancada e fez toda a diferença . E assim nasceram estas salas gostosas, sem "frescuras" e que caíram perfeitamente no gosto de seus moradores .





Já na cozinha, o morador de origem sulina, tem no churrasco seu grande prazer, tanto de fazer, como de apreciar e como boa gente que é, ama agradar aos amigos com o que mais lhe agrada o churrasco. Sendo assim a churrasqueira foi feita na parede que divide a casa com a cozinha e a ampla janela fez com que a cozinha desse, ao churrasqueiro, todo o apoio necessário, sem a necessidade de caminhar para chegar a churrasqueira ou de montar uma cozinha auxiliar junto a churrasqueira! A residencia, que não é grande, tem a sala integrada à área de churrasqueira por uma grande abertura composta por 6 portas de vidros e correm deixando todo o espaço aberto para o jardim e churrasqueira ! Ficou muito gostoso, pratico e funcional ! E com a cara dos donos !