Experiência , não parece mas conta !

Uau, estou o "pó da gaita " este mês, como dizem os gaúchos quando estamos extremamente cansados, acho até que pela primeira vez passou uma semana sem post ! Que vergonha ! mas as dicas foram ótimas , quem acompanha o face sabe !

É algo que ouvimos comumente de pessoas mais velhas, e principalmente aquelas que tem mais liberdade conosco , quem já não ouviu que a Experiência conta ? , hoje depois de alguns anos e muita batida de cabeça tenho que concordar totalmente e me ver tal qual minha mãe repetindo as palavras dela.

Mas é verdade, as vezes algo que não tem nada haver com com nossa profissão tem um extraordinário peso em nossas criações e concepções. Estive com uma amiga que está iniciando a jornada de designer de interiores dela e pedi uma opinião para um projeto que tenho em andamento, e nesta conversa foi que minha "ficha caiu" e vi que a experiência conta , e muito !

Um jovem recém formado que vai conceber um projeto para uma família, tem que aliar tudo o que aprendeu e buscar muita informação sobre a rotina de uma residência com crianças, animais, e /ou adolescente. Por exemplo, quem tem uma maquina de lavar lava e seca , sabe que ela vai dar conta de no máximo duas maquinadas em um dia ( se vc ficar de plantão esperando acabar e logo em seguida colocar outra ), não serve para uma grande família, pois quem tem tres filhos na escola , uniforme escolar , e criança que as vezes escapa um xixi na cama bate no mínimo 4 maquinadas no dia de lavar a roupa isto se tiver o auxilio de uma secadora e de um bom varal , senão terá que ter vestir roupa molhada ou sair para comprar uniforme escolar. Mas o que isto tem a ver com o projeto ? tudo, por incrível que pareça, uma casa com uma família tem que ter rotina senão vira bagunça e ninguém acha nada, e uma lavanderia acumulada é o principio do caos, então uma lavanderia pequena com espaço somente para uma lava e seca vai dar conta no máximo de um casal com um bebê , e imagina quando chega o segundo filho ( normalmente de surpresa) chove e a lava e seca leva 4 horas para lavar o uniforme e secar e vc tem que sair para levar o mais velho para escola ( uniformizado) o bebê para o berçário, se apresentar bem no trabalho, e seu marido tem que estar com a camisa impecável para trabalhar , todos estes itens depende da máquina de lavar e secar, e consequentemente nos também ! Por isso minha dica é contrate profissionais que tenham alguma experiência prática naquilo que vc vai investir ou que tenham fama de bom pesquisador .

Acima uma bela área de serviço com uma unica máquina !









Quando fui contatar um cliente que queria um quarto para sua filhinha de 1 ano e meio, vieram um monte de ideias que surgiram da minha experiência com meus filhos como saber o que gostam , o quê gostaria de ter feito para eles e não fiz por falta de experiência, conhecer a rotina que o cliente vai ter com a criança e principalmente ser um pouco criança para sentir o quanto aquilo me agradaria. E tenho a certeza de estar executando algo diferenciado e delicioso principalmente para criança, e criança feliz, pais felizes ! e cliente satisfeito !



Mas toda a regra tem exceção , no começa de minha vida como design de interiores fiz uma escolinha infantil, como não conhecia nada de escolinha, educação e crianças, me internei uma semana no infantil um e engatinhei por longos períodos para saber a real necessidades das crianças, e foi um dos projetos mais gostosos que realizei, pois além de tudo descobri um mundo novo, alegre, colorido e cheio de desafios a serem estimulados e vencidos.


Independente de você ter vivido situações similares a dos seus clientes, ou buscar conhecer a rotina e forma de viver deles , é essencial para um projeto realmente funcional, então preste atenção um decorador que não pergunta, e que as vezes pareça até enxerido pode ter certeza que está se esforçando o máximo para criar algo que atenda todas as suas demandas, pois como você vive ou trabalha só você sabe !

Pense nisso ao contratar um profissional !


Márcia Rispoli entrou no ramo de decoração e design por acaso, ao sair vencedora de um concurso promovido pela Revista A&D, o que resultou em sua inscrição na Associação Brasileira de Designers de Interiores. Desde então, ela não parou mais! Neste espaço, ela compartilha de todo o conhecimento adquirido nestes mais de 20 anos de profissão.

Posts em destaque