Não basta escrever tem que fazer !


Amo escrever sobre decoração, mas mais do que escrever, vivenciar a decoração é a melhor experiência e prazer que tenho. Estou nesta profissão por muito tempo e a experiência é uma escola maravilhosa,dá celeridade ao improviso e mostra que a ideia original nem sempre é a melhor e a mais funcional. Mas porque estou escrevendo sobre isto ? Porque no meu post anterior sugeri algumas decorações de Natal mais singelas e baratas, de acordo com o momento financeiro que o nosso país vive, mas mais do que isso as sugestões que aqui coloco são factíveis, e muito mais fácil de realizar do que parece . Então resolvi postar as 5 árvores de Natal que fiz em casa e a mesa arrumada com galhos do pinheiro do meu jardim, a execução de algo tão artesanal é também um mistério para mim, pois estou acostumada a imaginar e a colocar os fornecedores para executar o que imagino, e minha habilidade neste quesito é de repassar aos fornecedores exatamente o que imaginei. Mas no caso da decoração de Natal fui eu mesma que executei com o auxílio de minha filha Bella de 9 anos, uma garota super disposta e esperta e do meu marido que me auxiliou com a força bruta!!!!!!


Então aí vão algumas fotos e rápidas explicações referente as estas incursões natalinas na área do artesanato !

A primeira árvore que fiz foi a tradicional que me acompanha tem mais de 20 anos, e que herdei de minha mãe, que veio acompanhada de 20 anos de aquisições de enfeites de natal de várias partes do mundo . Como montar uma árvore tradicional ?

1) monte a arvore, abra os galhos e a deixe com uma forma triangular e uniforme, sem buracos

2) coloque as lâmpadas de Natal amarelas ou coloridas , as lâmpadas de led branca, "matam o clima de aconchego, a menos que seu Natal tenha um tema tecnológico, esqueças as lampadas brancas, o ideal é colocar de cima para baixo dentro da árvore bem ao meio dos galhos de forma uniforme , não de volta no tronco ou de a sensação de estar amarrando as lâmpadas, elas devem ficar soltinhas.

3)Depois das lâmpadas coloque os enfeites como bolas e pingentes ,

4) depois vem os enfeites diferenciados, como instrumentos musicais, anjos, biscoitos, enfim o que vc tiver.

5) após os enfeites, vem os cordões, que podem ser de pérolas, dourados, fios, enfim o que você tiver

6) coloque os laços, sempre bem abertos e fofinhos colocados suavemente sobre os galhos

7) E para encerrar a estral ou o enfeite que vai na ponta !

Algumas pessoas gostam de colocar uma saia de árvore ( que neste caso deve ser colocada antes da montagem da árvore, eu particularmente gosto que a árvore che com seus galhos bem rentes ao piso e vou colocando os enfeites à volta .

É a árvore mais demorada !!! E fica linda, e é muito gostoso quando toda a família participa !



A segunda árvore que fiz foi a desenhada na parede:

1) faça um triângulo com fita crepe no tamanho que vc deseja sua árvore, isso depende da altura do pé direito , a árvore deve ocupar dois terços da altura .

2) pinte dentro do triângulo da cor escolhida , minha sugestão é verde musgo ( ou verde escolar ) ou preto em tinta de piso ou acrílico fosco, de 2 ou 3 demãos com ao menos tres horas entre elas ,

3) separe fotos, fios de lâmpadas ( amarelas ), laços, estrelas de palitos de sorvetes , cartões, enfeites, e giz

4) com um pequeno prego coloque os fios de lâmpadas, e as fotos que estão na moldura

5) escreva a palavras de felicidade e motivação, ou balões relacionados a fotos, corações e mensagens.

6) nos espaços que sobrarem coloque fita crepe atrás e coloque as fotos, os enfeites pode colar com cola quente ou fita adesiva dupla face.

Pronto acabou, e se esta for a sua única árvore coloque os enfeites abaixo dela.

A terceira árvore foi de galhos, ao levar meu filho para a escola havia uma árvore que caiu com a tempestade que houver uns dois dias antes, parei o carro e escolhi alguns galhos mais ou menos da mesma espessura de tamanhos diferentes ( já tinha em mente o modelo então procurei montar um triangulo com os galhos empilhados, na minha imaginação )

Depois que arrecadei dos galhos, comecei a árvore, na verdade queria ter feito este post antes do Natal mas surgiram imprevistos então não consegui. Daí foi a maior "trolação " aqui em casa, todo mundo perguntando se eu estava juntando lenha, ou o que eu ia fazer com galhos velhos e etc.



No dia 23 montei a árvore com minha filha Bella, levamos aproximadamente 1 hora , e fizemos da seguinte forma:

1) colocamos os galhos no chão na sequência que faríamos a árvore, do menor para o maior de cima para baixo .

2) colocamos um prego onde seria a ponta da árvore e amarramos um fio de nylon grosso, daquele usados para nível de pedreiro com duas longas pontas e amarramos o primeiro e menor galho nas duas pontas enquanto uma segurava a outra amarrava e pingava um gota de superbonder no né do nylon, e assim fizemos sucessivamente, dando uma distância de 18 a 20 centímetros entre um galho e outro.

3) ao final coloque um caixote com várias velas colocadas em potes de vidro de compotas com ramos do pinheiro do jardim .

4) nos galhos colocamos os enfeites que estavam machucados da árvore original, que pintamos com spray dourado

5) fizemos estrelas de palito de sorvete para enfeitarmos, na verdade, minha amiga Bia foi quem fez as estrelas para mim , eu e a Bella passamos o spray dourado, e colocamos laços de fitas douradas.

6) para completar coloquei velinhas de réchaud nos galhos coladas com cola quente , que foram acesa no dia de Natal !



Ainda no dia 23 fiz a árvore de livros que foi a mais fácil :

1) separe os livros , os maiore abaixo e os menores para cima, e os empilhe em forma triangular

2) passe um fio de lampadas amarelas

3) coloque o que quiser, ou somente as lampadas se preferir, eu coloquei flores que estavam na caixa de sobras


E para completar fizemos a árvore de livros abertos, onde empilhamos os livros abertos e ao final colocamos um lápis para segurar a estrela ( na verdade foi idéia do meu marido !)



Pronto acabamos nossas cinco árvores em dois dias, com muita risada, imaginação, pouco dinheiro e muita diversão. Assim como a vida deve ser, espero que tenha gostado e principalmente Jesus !



Márcia Rispoli entrou no ramo de decoração e design por acaso, ao sair vencedora de um concurso promovido pela Revista A&D, o que resultou em sua inscrição na Associação Brasileira de Designers de Interiores. Desde então, ela não parou mais! Neste espaço, ela compartilha de todo o conhecimento adquirido nestes mais de 20 anos de profissão.

Posts em destaque