Loft uma forma de viver diferente !

Este post foi inspirado em uma amiga muito querida que quer construir algo barato , simples e agradável . Sempre digo que as pessoas dão uma valor extremo a construção , e não valorizam a decoração. Mas na verdade o que faz uma pessoa morar, bem não é necessariamente ter um piso x, uma porta Y, janelas do Material XZ, gesso, ou parede inteira ou meia parede de revestimento cerâmico, 2 quartos, lavabo, banheiro de empregada, banheiro da suíte , enfim o tradicional , aquilo que crescemos e vimos nossos vizinhos e amigos viverem da mesma forma.


A criatividade e a necessidade de espaço para o sentir-se bem nos leva a buscar mais espaço, menos paredes, dimunuir custos, reduzir objetos, e buscar autonomia e sustentabilidade para vivermos melhor, mais verde, mais conforto, mais funcionalidade . E daí nasceu o loft !






No período, do final da década de 60 e início da década de 70, eram considerados lofts, somente os grandes espaços convertidos, situados nos andares superiores de industriais e galpões. Guardadas as devidas proporções, os lofts representavam um espaço residencial diferenciado, que só encontrava paralelo, nos sofisticados apartamentos de cobertura , consagrado através do cinema em filmes como flashdance.

A primeira versão urbana, aconteceu na França, no década de 50, com os apartamentos da Cité Radieuse, do arquiteto urbanista Le Corbusier.








O conceito de loft continua evoluindo, incorporando novos elementos tais como, eficiência energética, sustentabilidade, design universal e acessibilidade. Tal é a quantidade e diversidade de adjetivos que estão sendo adicionados, que é provável que ainda demore para que loft deixe de ser sinônimo de inovação.

Quando pensamos em um loft, algumas considerações são importantes, como uma pé direito alto e um mezanino para o quarto e banheiro, um barracão é o local ideal para se fazer um loft, e construir um barracão pode ser a solução para minimizar custos e adotar um estilo de vida tipo loft living. Com a redução de revestimentos como, forro para teto, paredes divisórias, menor número de banheiros, cozinha integrada, piso em cimento queimado, paredes em placas metálicas ou blocos de cimento, consegue-se uma redução considerável financeiramente , mas um loft só vai ficar bom se for decorado adequadamente, senão será como se estivesse morando em um barracão mesmo!



Dentro de um loft temos que primar pela organização pois qualquer peça que demonstre desorganização teremos a sensação de todo o espaço bagunçado

O loft pode ter o estilo que o proprietário preferir, mas o industrial é o mais comum. Há um estilo de loft que acho fantástico, que o loft em barns (celeiros) que possuem aquele toque rustico/rural que fica maravilhoso.






Então fica a dica quer economizar na construção que tal mudar o estilo de viver, inovar e encontrar e desenvolver uma nova e preciosa forma de viver !


Márcia Rispoli entrou no ramo de decoração e design por acaso, ao sair vencedora de um concurso promovido pela Revista A&D, o que resultou em sua inscrição na Associação Brasileira de Designers de Interiores. Desde então, ela não parou mais! Neste espaço, ela compartilha de todo o conhecimento adquirido nestes mais de 20 anos de profissão.

Posts em destaque