Churrasco, churrasqueira ...e viva a cultura brasileira !

No Brasil quem não conhece o churrasco? e qual o homem que não quer uma churrasqueira em casa? Claro que há exceções, mas em geral quando se fala em reunir amigos para os homens vem acompanhado de churrasco e cerveja, sendo assim hoje resolvi postar sobre este costume cultural cada vez mais participante dos desejos na decoração. Antigamente estava somente dentro da cultura sulina, embarcou para o resto do país e trouxe consigo a churrasqueira, e para nós decoradores, um novo e delicioso desafio de retirar a churrasqueira da Edicula nos fundos da residencia e invadir, prédios, cozinhas e até ambientes comerciais. Então vamos conhecer um pouquinhos sobre este adendo cultural ?


Com papel importante na formação da identidade cultural gaúcha, o churrasco é uma das maiores tradições da região. Com origem em terras remotas dos pampas, a carne na brasa ao estilo do Rio Grande do Sul ganhou o resto do país.

O churrasco gaúcho nasceu em comunidades indígenas catequizadas por jesuítas, no século 17. Algumas décadas depois, tropeiros incorporaram o modo de preparo, desenvolvendo-o nas terras exploradas por eles.

A carne bovina era assada em estacas de madeira fincadas na terra e temperada com sal grosso e gordura. Os espetos eram cercados de lenhas que, quando queimadas, tostavam as peças.

Com o tempo, o churrasco se espalhou por todo o Brasil, tornando-se uma das maiores marcas da cultura do Rio Grande do Sul. À medida em que foi cruzando as fronteiras do Estado, o carne passou a ser elaborada de outras formas, de acordo com a região. Ao longo dos anos, estabeleceu-se a cultura da construção de churrasqueiras em lares de várias partes do país. ( fonte: http://brasilimperdivel.tur.br/churrasco-gaucho/)



Pode ser em estilo mais rústico ou moderno, mas a churrasqueira está lá, e hoje temos inúmeras empresas especializadas com todos os tipos de churrasqueiras, à gás, elétrica, com carvão , enfim para todos os gostos . Mas o importante é que seja bem feita e a fumaça não retorne para dentro do local onde a carne está sendo assada, senão será churrasco para comer e defumados para mesa, sofá, cortinas e etc..., pois o cheiro da fumaça fica impregnado, principalmente nos tecidos. Independente do tipo de churrasqueira algumas dicas são muito importantes:



1) Ter uma pia por perto e uma bancada de tamanho razoável para poder temperar a carne ( ainda que seja somente sal grosso ), são essenciais,

2)um local para guardar espetos , grelha e carvão, e este local tem que caber estes instrumentos vitais para qualquer bom churrasqueiro

3) dois baldes de lixo um para orgânico e outro para reciclado.

4) ter por perto a cozinha com todos os acessórios, ou um armário para guardar todas as louças, copos, vasilhas, facas, tábuas usadas exclusivamente no churrasco

5) a geladeira e a cervejeira devem estar por perto para facilitar.








Gosto muito da opção em que uma parede divide a churrasqueira da cozinha e a janela se torna um grande passa pratos, para quem usa cotidianamente a churrasqueira é uma " mão na roda".


Ou quando a churrasqueira é uma extensão da cozinha como podemos ver bastante em apartamentos decorados.