Vamos sair do convencional ?

Quem já não ouviu o ditado " Em casa de ferreiro espeto é de pau ", pois é aconteceu comigo, Mudei-me para uma casa em um condomínio que meus filhos amam, mas eu não fui com a "cara" da casa logo de inicio. Pensei isto não é problema, afinal é o meu dia a dia, e vou dar jeito. Depois que consegui trazer a mudança, fiz uma obvia constatação , as minhas coisas não cabiam na casa ! Foi um leva daqui, arrasta pra lá, tira daqui, encosta acola, e não continuava cabendo ! Aí comecei a sonhar , vou quebrar esta parede, puxar outra, fechar uma porta, abrir outra, enfim estava praticamente construindo uma nova casa, e antes de começar pensei, mas será que não consigo resolver sem gastar ???? E o desafio ficou na minha cabeça. Martelei quase um mês o quê fazer, com os moveis e objetos saindo pela janela de tanta coisa ! Então tive minha primeira ideia ótima, fazer da garagem um comodo, e desovar neste comodo os moveis que não estão cabendo aqui dentro . Levei para garagem um sofá, duas poltronas, mesa de centro, mesa lateral , aparador, acessórios, cortinas , vaso, enfim ficou uma linda e agradável sacada, tanto que meus sogros vieram para cá e não saim da garagem ou melhor agora sacada !




Mas mesmo assim a casa ainda estava entupida de objetos e moveis ! Então resolvi fazer um bazar e peguei tudo o que não usava a mais de um ano e coloquei no bazar, tinha de tudo, panela, toalha, jogo americano, poltrona, louças, castiçais, quadros, sofá, cristais, mesa lateral, mesa de centro, brinquedos, roupas, sapatos, utensílios de cozinha, tapetes de banheiro, uma infinidade de objetos que não utilizaria tão cedo.




Agora sim parecia que haveria lugar para tudo na casa, mas, ainda estava com a sala em desacordo com meu gosto. O maior problema era que a casa tinha muito bem definido alguns lugares, como sala de jantar, living social, e sala de televisão, e não tinha escritório ( e eu trabalho muito em casa ) alem de que não tinha tomada para televisão na sala . Eis que ...venci o desafio... coloquei o escritório no lugar do living, a sala de televisão no lugar da sala de jantar e a sala de jantar entre os dois, troquei o aparador da sala de lugar e tirei a mesa de centro, a poltrona mais confortável da casa foi para a sala de televisão e ganhei um lindo e amplo escritório com vista para o jardim com sofá . Minhas crianças ganharam espaço pois embora não tenha tirado nenhuma mobília o rearranjo deixou o local mais espaçoso e todos mais feliz !




Então resolvi fazer este post, porque não sair do convencional e colocar o escritório na entrada ? ou o living na varanda? Se a organização ficar mais funcional e agradar o seu coração está valendo, afinal a casa é o coração da gente, representa nossa alma e jeito de viver, e eu amo fazer diferente, testar novos espaços e dar vida nova com objetos velhos. Para mim, foi uma ótima experiência , e o melhor é saber que sempre temos para aprender. E não gastei um tostão, pelo contrário fiz dinheiro com o bazar!

Meu conselho? ouse, vale a pena tentar !


Márcia Rispoli entrou no ramo de decoração e design por acaso, ao sair vencedora de um concurso promovido pela Revista A&D, o que resultou em sua inscrição na Associação Brasileira de Designers de Interiores. Desde então, ela não parou mais! Neste espaço, ela compartilha de todo o conhecimento adquirido nestes mais de 20 anos de profissão.

Posts em destaque